15 de janeiro de 2016

The 100 "The Hundred".


     A série estreou nos Estados Unidos em 19 de março de 2014, sendo estreada oficialmente no Brasil só em 16 de abril de 2015 no canal MTV Brasil. Sendo baseada em um livro homônimo, o primeiro de uma série de Kass Morgan, e desenvolvida por Jason Rothenberg.

   Acabei de assistir a 1ª temporada, muito boa!!!, ansiosíssima para assistir a 2ª imediatamente, mas no Netflix não tem. A história se passa alguns anos após uma guerra devastadora dizimar quase toda a vida na Terra. Os sobreviventes são moradores da "Arca", estação espacial em órbita da Terra, que é liderada pelo Chanceler em um regime de suprimento escasso. Depois que alguns problemas na Arca são detectados, a "cúpula" decide enviar 100 prisioneiros juvenis para a superfície, na tentativa de verificar se a Terra pode ser habitada novamente. A série apresenta aventura, um triângulo amoroso (que eu acho na verdade que é um quadrado amoroso) e algumas cenas de sangue. 

Episódio 1: Piloto 

Beijos!


Livro da Semana: O Rei Demônio (Cinda Williams Chima)

"Os tempos são difíceis na cidade de Fellsmarch, nas montanhas. O jovem Han Alister é capaz de quase qualquer coisa para garantir o sustento da mãe e da irmã, Mari. Ironicamente, a única coisa valiosa que ele possui não pode ser vendida: largos braceletes de prata, marcados com runas, adornam seus pulsos desde que nasceu. São claramente enfeitiçados -  cresceram conforme ele crescia, e o rapaz nunca conseguiu tirá-los. Certo dia, depois de muita discussão, Han toma um amuleto de Micah Bayar, filho do Grão Mago, para evitar que o rapaz o usasse contra ele. Han logo descobre que o amuleto tem uma história maldita- ele pertenceu ao Rei Demônio, o mago que quase destruiu o mundo mil anos antes. Com  um artefato mágico tão poderoso em jogo, Han sabe que os Bayar farão de tudo para recuperá-lo.
         Enquanto isso, Raisa ana’Mariana, princesa-herdeira do reino de Fells, enfrenta suas próprias batalhas. Ela acaba de retornar à corte depois de três anos de relativa liberdade com a família do pai no Campo Demonai. Raisa poderá se casar ao completar 16 anos, mas ela não está muito interessada em trocar sua liberdade por aulas de etiqueta e bailes esnobes. Almeja ser mais que um enfeite, aspira ser com Hanalea, a lendária rainha guerreira que matou o Rei Demônio e salvou o mundo. Mas parece que sua mãe tem outros planos que incluem um pretendente que renega tudo que o reino representa. Os Sete Reinos tremerão quando as vidas de Han e Raisa colidirem nesta série emocionante da autora Cinda Williams Chima."


   Sabe aquele livro que se lê com cuidado, saboreando e prestando atenção à cada palavra lida? Esse é assim, palavras ditas como um pensamento de um personagem podem levar a resolução de uma charada lá na frente. É um livro de ficção para quem gosta de ler sobre lendas, terras distantes e com nomes exóticos, onde mostra que nem sempre o que se sabe desde criança é de fato a verdade, todas as histórias de fato tem dois lados. A lenda de Hanalea e o Rei Demônio vai mostrar que as rainhas não se casam com nobres, que histórias e fugas de amor existiam décadas atrás, que guerreiros tem sim o seu valores, que magos são submissos a sua Rainha e que a pessoa conhecida de forma inesperada pode ser muito importante.
  Pois é, o livro é ótimo do começo ao fim e já estou ansiosa para ler o segundo, "A Rainha Exilada".

Beijos.


Lido em: 2 dias
 Páginas: 384
Classificação: ♥♥♥